Connect with us

Empreendedorismo

Empreendedorismo: como iniciar um negócio lucrativo com pouco dinheiro?

Central Empreendedor

Publicado

em

Empreendedorismo pouco dinheiro

Muitas pessoas pensam em iniciar um empreendimento para complementar sua renda ou ter uma fonte de recursos maior. Mas, por vezes, desistem da ideia por não se sentirem capazes. No entanto, é possível abrir um negócio do zero sem dinheiro ou com pouco dinheiro, de acordo com especialistas de mercado.

Empreendedorismo pouco dinheiro
Imagem de Freepik

O site ‘Central Empreendedor‘ oferece algumas dicas para aqueles que desejam dar esse primeiro passo como empreendedor. Portanto, se você está pensando em iniciar seu próprio negócio, continue lendo e descubra como começar sem dinheiro!

Refletindo sobre o cenário atual

Mesmo que você tenha pouco dinheiro, é possível abrir um negócio lucrativo. O sucesso dependerá da disposição do empreendedor em aceitar novos desafios e buscar oportunidades no mercado!

Ao contrário do que muitos pensam, esperar pelo cenário econômico nacional melhorar pode ser uma armadilha para quem deseja empreender. Isso porque pode levar muito tempo para a situação melhorar. Porém, agora que o cenário pandêmico começa a ficar para trás e alguns setores do mercado já dão sinais de melhora, há mais esperança para aqueles que desejam sair da informalidade e buscar a formalização por meio do MEI – Microempreendedor Individual. 

Embora possa parecer uma tarefa desafiadora, especialmente para aqueles que têm recursos financeiros limitados, existem várias oportunidades disponíveis para quem está disposto a se esforçar e ser criativo.

Empreendedorismo pouco dinheiro
Imagem de Freepik

Estratégias para um retorno financeiro satisfatório

Para empreendedores que buscam uma opção mais segura e com menos riscos, o franchising pode ser uma boa alternativa. Começar um negócio do zero envolve desafios que nem todos estão preparados para enfrentar, e é importante considerar os custos envolvidos antes de tomar qualquer decisão. E optar por uma franquia ofereceria o respaldo de uma marca já estabelecida, com um modelo de negócio testado e um marketing bem estruturado, o que pode aumentar as chances de sucesso e reduzir os riscos.

Passo 1

Se a decisão for empreender de forma independente, é ainda mais importante fazer um planejamento cuidadoso. Começa-se pela elaboração do plano de negócios, definindo objetivos e metas claras para a empresa. Inclusive, com um plano bem definido e estratégias planejadas com antecedência, o empreendedor pode evitar desperdício de dinheiro e recursos ao iniciar um negócio do zero.

Passo 2

O segundo passo é realizar uma pesquisa detalhada do público-alvo, visando identificar o melhor local para a loja e criar estratégias de marketing efetivas. É fundamental compreender as necessidades e desafios do consumidor, pois isso ajuda a definir um posicionamento de mercado sólido e efetivo para a empresa. Por meio desse conhecimento, a empresa pode desenvolver soluções que atendam às necessidades do público-alvo de forma satisfatória.

Aliás, pode-se dizer que, para o sucesso do negócio, é fundamental investir em um plano de marketing desde o início, atraindo e conduzindo os prospects pelo funil de vendas até a fidelização do cliente. É preciso entender o mercado, identificando o diferencial competitivo que diferencia a empresa das concorrentes, e compreender a relação entre valor e preço para agregar valor aos produtos e serviços.

Para se destacar em um mercado competitivo, é fundamental que a empresa tenha como objetivo agregar valor desde o início.

Isso pode ser feito investindo em diferenciais competitivos, como um excelente atendimento ao cliente, a qualificação constante da equipe de colaboradores e o registro dos clientes. Dessa forma, é possível obter uma vantagem competitiva no mercado, tornando-se uma escolha atraente para os consumidores em busca de produtos e serviços de qualidade.

Passo 3

A etapa final é crucial para o sucesso do negócio, pois é o momento de desenvolver soluções para os problemas identificados e definir os produtos ou serviços que realmente possam atender às necessidades dos consumidores. Além disso, é importante controlar os processos da empresa e monitorar o desempenho da equipe de colaboradores para garantir a qualidade dos produtos e serviços oferecidos. E não se esqueça de estar sempre atualizado em relação às questões burocráticas que envolvem o comércio e a publicidade, para evitar problemas legais futuros.

Ideias de negócios para abrir com pouco dinheiro

Empreendedor nexialista
Imagem de lookstudio em Freepik

Limpeza residencial

Oferecer serviços de limpeza para residências e escritórios locais, utilizando um kit básico de limpeza e produtos.

Personalização de produtos

Comprar produtos em branco e personalizá-los com uma impressora de transferência térmica, por exemplo, para criar camisetas, canecas, chaveiros e outros produtos personalizados.

Serviços de jardinagem

Oferecer serviços de paisagismo e jardinagem na região.

Cuidado com animais de estimação

Oferecer serviços de cuidado com animais de estimação, como passeios de cachorro, alimentação e cuidados básicos.

Consultoria

Com habilidades específicas em uma área, como finanças, marketing ou recursos humanos, é possível oferecer serviços de consultoria para empresas locais.

Costura e reparos

Oferecer serviços a amigos, familiares e clientes locais.

Entrega de produtos

Oferecer serviços de entrega para empresas locais que precisam entregar pacotes ou documentos.

Artesanato

Criar e vender diretamente para os consumidores por um artesão peças artesanais simples, como objetos de decoração, roupas confortáveis, pantufas, aromatizadores e máscaras.

Refeições e doces por encomenda

Oferecer por encomenda através de redes sociais e aplicativos de mensagem kits de café da manhã, kits para finalizar o produto em casa e kits para públicos específicos, como alimentos sem glúten.

E-commerce de nicho

Vender plantas, vinhos ou outros produtos específicos, focando em um nicho de mercado e criando uma loja virtual própria ou vendendo em plataformas online.

Aulas e cursos online

Oferecer em uma plataforma de ensino à distância aulas e cursos em diversas áreas, como consultorias, reforço escolar, exercício físico, yoga, culinária, entre outros.

Mercado infantil

Vender diretamente para os consumidores ou em plataformas de venda online kits de brinquedos, jogos e parquinhos para dentro de casa, oferecendo soluções criativas e seguras para as crianças.

Reparos domésticos

O profissional oferece com ferramentas próprias a venda de seus serviços através de redes sociais e indicações como pintura, conserto de encanamentos, elétrica e serviços de pedreiro.

Brechó digital

Revenda de roupas e acessórios de qualidade por preços acessíveis em uma loja virtual própria ou em plataformas online, focada em peças que sobram nas casas das pessoas.


Fontes: Marco Contabilidade Consultiva, Contabilizei Blog.

Empreendedorismo

Principais tendências empresariais a serem observadas em 2024: fique à frente da curva

Central Empreendedor

Publicado

em

tendências empresariais 2024

O ano de 2024 promete começar já com grandes oportunidades. Os especialistas já preveem novas tendências empresariais que devem impactar diversos setores da economia brasileira. Pensando nisso, o Central Empreendedor trouxe um compilado de informações para ajudar você, empreendedor, a ficar por dentro dessas tendências e, assim, manter seu negócio sempre competitivo e próspero no mercado. Explore as dicas a seguir e se prepare para o novo ano!

Inovação contínua

O mercado, assim como a vida, está em constante transformação. E o empreendedor também precisa se preparar bem para tais mudanças. Ao mesmo tempo, deve saber quando mudar para se manter em alta no mercado, saindo na frente e assumindo uma vantagem competitiva. Pode-se dizer que este é um dos grandes segredos do sucesso empresarial! 

Você, como empreendedor, não deve temer essas transformações. Na verdade, deve abraçar as novas tecnologias e os novos modelos de negócios ao máximo e assim que possível – claro que no momento adequado para sua empresa. Ou, no mínimo, se manter disposto a sair da ‘zona de conforto’ e experimentar novas abordagens. Pois um exemplo é o uso de Inteligência Artificial (IA) na automatização de tarefas, ou dos chatbots para melhorar a experiência dos clientes.

tendências empresariais 2024
Imagem de rawpixel.com em Freepik

O fator humano

Sim, essa é uma tendência para 2024. Estamos falando da transformação digital, que vai muito além das tecnologias. 

Em suma, é importante uma educação que permita que as pessoas consigam aproveitar da melhor maneira essa interação entre humanos e máquinas, uma colaboração que se espera para a inovação e criação de valor nas organizações em 2024. Por causa disso, pode ser interessante você, empreendedor, investir em treinamento e desenvolvimento dos seus funcionários, para que eles possam aproveitar as oportunidades oferecidas pelas tecnologias.

Sustentabilidade

A sustentabilidade será uma das principais tendências empresariais para o próximo ano. Isso porque os consumidores estão mais conscientes da importância de apoiar as empresas que adotam práticas sustentáveis. O que nos leva a dizer que você, empreendedor, querendo destacar seu negócio em 2024, deve investir em práticas como uso de energias renováveis, economia circular, e responsabilidade social corporativa.

Adotar práticas sustentáveis não só é bom para o meio ambiente, mas também pode ser benéfico para os resultados das empresas, reduzindo custos operacionais e atraindo clientes conscientes.

tendências empresariais 2024
Imagem de DCStudio em Freepik

Diversidade e inclusão

Os clientes também estão valorizando mais as empresas que demonstram que pensam e se preocupam em atender bem os mais diversos perfis de clientes. Portanto, em 2024, as empresas precisam definir seu papel na luta pela diversidade e inclusão, principalmente se desejam ganhar relevância neste mercado diversificado. Aliás, geralmente as empresas que cultivam ambientes de trabalho inclusivos e diversos são mais propensas a ações criativas e inovadoras.

Big Data

Como dissemos antes, com as novas tecnologias, podemos coletar, analisar e aplicar técnicas e materiais de maneira mais eficaz em nossos projetos. Nesta era da informação, uma das grandes tendências empresariais é o uso estratégico de Big Data. Dentro das empresas, isso ajuda na obtenção de insights para tomada de decisões, otimização de operações, compreensão de comportamento de clientes, previsão de mercados, etc.

tendências  2024
Imagem de Karolina Grabowska em Pexels

Como se adaptar às tendências empresariais de 2024

Resumindo, são tendências empresariais para 2024 um mercado repleto de inovações, que valoriza sustentabilidade, diversidade e inclusão. E você, empreendedor, já pode começar a se preparar para estas tendências desde já e, assim, prosperar no futuro. Recapitulando nossas dicas:

  • Faça pesquisas e esteja atento às mudanças do mercado.
  • Invista em treinamento e desenvolvimento de seus funcionários.
  • Adote práticas sustentáveis.
  • Promova a diversidade e a inclusão.
  • Invista em big data.
tendências empresariais 2024
Imagem de Rachel Claire em Pexels

São exemplos de como aproveitar as tendências empresariais para obter sucesso no mercado de 2024:

  • Desenvolvimento de um novo software de IA para automatizar tarefas administrativas.
  • Lançamento de uma nova plataforma de e-commerce com foco na experiência do cliente.
  • Desenvolvimento de um programa de treinamento para capacitar funcionários para trabalhar com novas tecnologias.
  • Lançamento de um novo programa de mentoria para ajudar seus funcionários a desenvolver suas carreiras.
  • Adoção de práticas de agricultura sustentável, como o uso de energia solar e a compostagem.
  • Utilização de materiais reciclados em produtos no ramo da moda.
  • Lançamento de um programa de diversidade e inclusão para promover a contratação e o desenvolvimento de profissionais de diferentes origens e grupos sociais.
  • Oferta de treinamentos sobre diversidade e inclusão para funcionários.
  • Marketing que utiliza big data para entender o comportamento de seus clientes e personalizar suas campanhas.
  • E utilização de big data para identificar tendências de doenças e desenvolver novos tratamentos em empresas de saúde.

Ao seguir essas dicas, você estará no caminho certo para se manter à frente da curva e prosperar no mercado de 2024.

Leia Também: Como transformar sua carreira em 2024: novas perspectivas para os empreendedores


Fontes: SEBRAE.

Continuar Lendo

Empreendedorismo

Da ideia à realidade: o guia passo a passo para iniciar seu próprio negócio

Central Empreendedor

Publicado

em

iniciar seu negócio

Iniciar um negócio do zero é algo bastante desafiador para todo e qualquer empreendedor, mesmo que experiente. Por outro lado, também pode ser gratificante, sendo uma boa chance de transformar uma ideia em realidade. Claro que isso deve exigir planejamento meticuloso, pesquisa, e ação estratégica.

Pensando em lhe ajudar a enfrentar essa jornada complexa, o Central Empreendedor resolveu montar esse guia com passo a passo repleto de dicas de como transformar aspirações em um negócio próspero. Confira!

Passo 1: Pesquisa e Planejamento

Toda boa ideia é resultado de uma longa pesquisa. Então, o primeiro passo, antes de iniciar seu negócio, é investigar o mercado. Afinal, que tipo de empreitada você deseja começar? Será que não seria uma melhor estratégia investir numa franquia? Pode usar a Internet mesmo como fonte de pesquisa. O importante é coletar neste estágio o máximo de informações.

Informação é chave para embasar as melhores decisões.

iniciar seu negócio
Imagem de Canva Studio em Pexels

Passo 2: Plano de Negócios

O documento ‘Plano de Negócios’ é o produto dessa pesquisa inicial, somado às metas do empreendedor. Pode-se usar modelos de instituições como o SEBRAE como base para montar tal plano. E vale dizer aqui que são as respostas a perguntas cruciais apresentadas em suas páginas que sustentará o lançamento do empreendimento.

Passo 3: Teste sua Ideia

Você já selecionou uma ideia de produto ou serviço para empreender, pesquisou o mercado, e traçou um plano de negócios. A fase três é procurar potenciais clientes que se enquadrem no perfil do seu público-alvo e testar a ideia. Peça que essas pessoas façam uma avaliação sincera e deem seu feedback. Isso pode fornecer insights valiosos sobre quais os ajustes necessários para deixar o produto final conforme o esperado, podendo ser realmente bem-aceito pelo mercado.

Passo 4: Estabeleça sua Presença

Enfim, o plano-piloto está pronto para sair do papel e ser colocado para produção em maior escala! Traduzindo, é nesta fase que o empreendedor dá o passo para a realidade. Esse já pode ser o momento certo de ter um espaço físico e virtual para ofertar os produtos ou serviços da sua empresa – tudo alinhado ao plano inicial, claro. E, ao mesmo tempo, pode ser necessário investir em Marketing para apresentar sua marca ao mercado.

iniciar seu negócio
Imagem de fauxels em Pexels

Passo 5: Formalização e Estruturação

O passo a passo para iniciar seu negócio está quase chegando ao fim. A fase cinco é de organização de documentos; abertura da empresa seguindo as normas estabelecidas; se necessário, contratação de funcionários; e realização de mais ajustes para que a empresa esteja em conformidade com as regulamentações.

Passo 6: Crescimento e Aprendizado Contínuo

As portas para o sucesso estão finalmente se abrindo para você, empreendedor. Porém, é preciso destacar que o processo não termina assim. Saiba que a administração de um novo negócio requer habilidades contínuas.

Compreenda o mercado, conheça seu público e continue inovando!

iniciar seu negócio
Imagem de RF._.studio em Pexels

Bônus | Dicas de Empreendedores Experientes

Entendemos que começar com recursos limitados pode ser desafiador. Aprendizados valiosos podem ser extraídos das experiências de empreendedores que iniciaram com pouco e alcançaram sucesso. Aqui estão algumas dicas:

  • Forme uma equipe multidisciplinar.
  • Faça um plano de negócios sólido.
  • Tenha o apoio da família.
  • Conheça profundamente sua área.
  • Seja corajoso e proativo.
  • Foque nas vendas desde o início.
  • Interaja com seu público-alvo.
  • Teste e adapte rapidamente.
  • Estabeleça metas iniciais claras.

Em resumo, para iniciar seu negócio de sucesso, siga um roteiro bem definido. Se conseguir combinar seu conhecimento com as dicas que apresentamos neste texto, você certamente estará muito bem preparado para enfrentar desafios diversos desse mercado competitivo e em constante transformação.

Da concepção à realização, cada passo é uma oportunidade para aprender, crescer e transformar sua visão em um negócio de sucesso.


Fontes: Contabilizei.

Continuar Lendo

Empreendedorismo

10 habilidades essenciais que todo empreendedor deve dominar

Central Empreendedor

Publicado

em

habilidades do empreendedor

Trilhar o caminho do empreendedorismo não é tarefa fácil. Isso exige muitas habilidades e grande sagacidade para alcançar as metas. As ideias mais diferentes podem ser transformadas em negócios de sucesso. Porém, para tanto, será necessária muita compreensão desde comunicação até construção de relacionamentos sólidos. Dito isso, o Central Empreendedor listou algumas habilidades essenciais que todo empreendedor deve dominar para se destacar no mercado altamente competitivo de hoje. Confira!

Comunicação Persuasiva

Essa é uma das principais marcas dos grandes líderes empresariais!

Um empreendedor precisa saber se comunicar de forma clara e cativante para poder transmitir aos clientes e possíveis parceiros ou investidores as suas ideias, fortalecendo a marca. Agora, vale destacar que saber se comunicar vai muito além das palavras. Também é preciso saber como apresentar da forma mais adequada o seu plano (seja por slides, gráficos, infográficos, vídeos e mais). Em resumo, é conseguir transformar conceitos em realidade. Aliás, quem sabia fazer isso muito bem era o lendário Steve Jobs.

Empatia e Conexão Humana

Aqui estamos falando do empreendedor que busca entender as necessidades e desejos dos outros. Afinal, o que seus clientes querem? Do que precisam? Quais as suas dores? E, nesse caso, conta muito uma postura empática, compreensiva. Mostrar um genuíno interesse pelas preocupações e experiência dessas pessoas, criando laços significativos que podem levar a uma base sólida de relacionamentos, gerando mais lucros à empresa.

As informações coletadas através de conversas e pesquisas podem fornecer os melhores insights, essenciais para a geração de soluções mais eficazes – tanto para produção de produtos quanto para oferta de serviços.

habilidades do empreendedor
Imagem de Kampus Production em Pexels

Curiosidade e Inovação Constante

Se o empreendedor conseguir o passo anterior, de criar essa conexão humana, obtendo respostas sobre as necessidades e desejos dos outros, é porque ele tem interesse, porque tem curiosidade. Essa atitude geralmente leva todo empreendedor ao sucesso. Seu espírito inovador o guiará a explorar novos horizontes, em busca de soluções criativas, de verdades não percebidas, desafiando o status quo e mantendo sua empresa sempre relevante no mercado.

Construção de Relacionamentos Duradouros

Estabelecer conexões significativas com colegas, parceiros e clientes é uma estratégia valiosa para o sucesso empresarial. Cultivar relacionamentos sólidos abre portas para oportunidades de colaboração e apoio mútuo, fortalecendo a base do negócio.

Habilidade de Vendas e Negociação

Digamos que o empreendedor já sabe em que área do mercado quer atuar e quais as carências do setor. Ele traça um plano de produção de produtos ou prestação de serviços de mão de obra. Na etapa seguinte, deve conseguir vender e negociar suas ideias. Isso é essencial para o crescimento dos negócios.

A ‘arte de vendas e negociação’ tem um papel vital na construção de parcerias sólidas e na obtenção de resultados vantajosos para todas as partes envolvidas.

habilidades do empreendedor
Imagem de RDNE Stock project em Pexels

Resiliência e Gestão de Adversidades

Nem sempre os planos dão certo, e é preciso ter sempre isso em mente. Desafios e fracassos fazem parte da jornada do empreendedorismo. Por isso, o empreendedor precisa estar preparado para enfrentar essas adversidades, buscar aprender com elas e seguir em frente.

A resiliência não apenas fortalece a determinação, mas também promove um aprendizado contínuo, essencial para o crescimento pessoal e empresarial.

Pensamento Analítico e Visão Estratégica

Para evitar a maioria dos problemas e erros nesse processo de empreender, é aconselhável que o profissional baseie suas decisões não em instinto, mas em dados concretos. Por isso, entra nessa lista de habilidades a capacidade de analisar informações, identificar tendências e traçar estratégias eficazes. Além do mais, a visão estratégica permite antecipar mudanças e adaptar-se às novas demandas do mercado.

Liderança Inspiradora

Todo empreendedor também precisa ser líder – líder de si, inclusive. Seu exemplo de força deve inspirar a equipe e ser o alicerce da empresa rumo ao sucesso.

Guiar equipes, definir metas claras e motivar colaboradores são atributos essenciais para direcionar o crescimento e a inovação dentro da organização.

habilidades do empreendedor
Imagem de RDNE Stock project em Pexels

Organização e Gerenciamento de Tempo

A organização pessoal e profissional deve ser o foco do empreendedor para conseguir realizar as tarefas necessárias e suas metas se cumpram. Aliás, vale destacar que a organização e o gerenciamento de tempo evitam sobrecarga, permitindo um equilíbrio saudável entre descanso e trabalho. Nesse caso, deve-se priorizar tarefas, criar cronogramas eficientes, etc. O segredo está em se manter disciplinado, especialmente em ambientes dinâmicos.

O equilíbrio entre vida profissional e pessoal, a gestão do estresse e a adaptabilidade são aspectos-chave para uma autogestão eficaz, garantindo uma saúde mental e física adequada em um ambiente empreendedor muitas vezes desafiador.

Bônus

Se o empreendedor consegue dominar bem essas habilidades, ele terá mais chances de se diferenciar no mercado, moldando seu sucesso e a sustentabilidade de seus negócios.

Na verdade, o empreendedor de sucesso cultiva e aprimora suas habilidades constantemente. Além de tudo que foi destacado anteriormente, existem ainda algumas dicas adicionais que podemos apresentar. Primeiro o desenvolvimento de habilidades técnicas e digitais. Pensando no mundo de hoje, é importante ter noções de marketing e análise de dados, bem como gestão de dados.

Além disso, o empreendedorismo social e ambiental está ganhando destaque. Por isso, deve-se buscar entender práticas sustentáveis e integrar a responsabilidade social nos negócios. 

Você agora está mais pronto do que nunca para empreender, sabendo enfrentar seus desafios e oportunidades com maior confiança e eficácia. Boa sorte!


Fontes: SEBRAE.

Continuar Lendo

Mais lidas